RAID e Servidores – Recuperação de Dados HD, Recuperar HD, Hard Disk, Disco Rígido

RECUPERAÇÃO DE DADOS SERVIDORES RAID E RECUPERAR RAID

 

Precisando recuperar dados do RAID? A Datarecover oferece serviços especializados de recuperação de dados em RAID e Servidores RAID.

 

Contamos com mais de 15 anos de experiência no mercado de recuperação de dados em servidores RAID de grande, médio e pequeno porte..

 

Nosso setor de engenharia encontra-se plenamente capacitado para a recuperação de dados em RAID, Storages, NAS, LVM e Servidores RAID array com qualquer possível sistema operacional: Windows Server, Linux, Novell, Macintosh, Unix, Solaris, BSD, Máquinas Virtuais, VMWare, Hyper-V, XenServer e outros.

 

Os laboratórios Datarecover tem em seu histórico o êxito na recuperação de dados, arquivos, sistemas e bases de dados perdidas em servidores RAID de todas as marcas, assim como DELL, HP, IBM, Compaq, EMC, Lenovo, Iomega, entre muitas outras.

 

Clique no botão abaixo para iniciar o processo de recuperação de dados RAID.

Atendemos emergências em servidores RAID 24 horas 7 dias por semana.

 

Caso tenha alguma dúvida, contate um de nossos especialistas em recuperar RAID através do plantão de emergência 24 horas: (11) 99447-9523 ou (51) 98402-0272

 

A Datarecover dispõe de unidades especializadas na recuperação de dados em RAID nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Porto Alegre. Em todos estes anos de existência, já atendeu com sucesso mais de 30.000 clientes em todo o Brasil.

 


SOBRE A RECUPERAÇÃO DE DADOS EM SERVIDORES RAID

 

Seguem as perguntas mais frequentes recebidas pela nossa central de atendimento:

 

01 – O que é um servidor RAID (sistema RAID ou RAID array) ?

RAID – É a sigla para Redundant Array of Independent Disks ou, em português, matriz redundante de discos independentes. Esta tecnologia permite ao seu usuário organizar e sincronizar vários discos rígidos (HDs) trabalhando simultaneamente para formar um único volume lógico.

Utilizando-se da configuração RAID você pode conseguir consideráveis melhorias na confiabilidade e velocidade de acesso aos dados. Existem vários níveis de RAID, sendo os mais utilizados: RAID 0, RAID 1, RAID 5 e RAID 6.

02 – A Datarecover consegue recuperar dados em RAID ?

A Datarecover é uma empresa especializada na recuperação de dados em sistemas RAID de todos os níveis. Nossa engenharia  e laboratórios possuem ferramentas e experiência suficientes para recuperar dados em HDs SAS, SATA, SCSI, Fibre Channel e IDE )caso estes venham a falhar dentro de um sistema RAID array).

 

03 – Quais as situações em que é possível recuperar dados em servidores RAID ?

A Datarecover consegue êxito na recuperação de dados na grande maioria dos casos de RAID que apresentam problemas de funcionamento. Poucos são os casos em que não é possível recuperar os dados. A Datarecover recupera com frequência arquivos e informaçõs perdidas em sistemas RAID com os seguintes problemas:

  • Recuperar dados em RAID com volumes ou unidades inacessíveis;
  • Recuperar dados em RAID com problemas na controladora de RAID;
  • Recuperar dados em RAID com partições ou arquivos corrompidos;
  • Recuperar dados em RAID após comando Clean Metadata;
  • Recuperar dados em RAID problemas em um ou mais discos (HDs);
  • Recuperar dados em RAID após falha na tentativa de REBUILD;
  • Recuperar dados em RAID com problemas no servidor;
  • Recuperar dados em RAID após ataque de vírus ou hackers;

04 – Qual o período necessário para a recuperação de um RAID ?

Possuímos em nosso histórico recuperações de dados em sistemas RAID onde os dados vitais foram recuperados com sucesso em período inferior a 24 horas na modalidade de URGÊNCIA. O prazo, todavia, para recuperação de dados em sistemas RAID varia, de modo geral, de 01 a 05 dias.

Em casos de emergência, a Datarecover oferece a seus clientes um departamento especializado em RAID, com equipe de engenheiros e especialistas que trabalham com a recuperação de dados do RAID array durante 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Convém salientar que, a julgar pela situação específica e complexidade do problema apresentado pela mídia, o serviço tempo de recuperação poderá ser estendido.

 

05 – Quanto custa a recuperação de dados em um volume RAID ?

O custo da recuperação dos dados em sistemas RAID varia bastante conforme os procedimentos necessários para cada caso específico, bem como o tempo e número de engenheiros alocados, custo com materiais e tempo de pesquisa necessários para a restauração da informação no sistema RAID array. Desta forma, é inviável estimar valores sem antes efetuarmos diagnóstico na mídia em laboratório.

06 – Meu servidor RAID apresentou perda de dados ? O que eu faço ?

A Datarecover conta com mais de 15 anos de experiência no mercado de recuperação de dados em volumes configurados RAID.

Em todos estes anos de trabalho pudemos detectar que o maior índice de casos que não ofereceram possibilidade de recuperação são justamente aqueles em que o cliente ou a empresa fornecedora do servidor tentou realizar algum tipo de procedimento antes de enviar para a Datarecover.

Nossa recomendação é que você, ao detectar falha no funcionamento e/ou impossibilidade de acesso às informações, DESLIGUE imediatamente o servidor RAID e entre em contato a Datarecover.

Para exemplificar, um sistema RAID “simples” com 4 discos pode possuir, eventualmente, mais de 400 combinações diferentes na sua matriz de acesso aos dados. A tentativa de substituição de um disco (HD) pode fazer com que estas combinações sejam perdidas ou modificadas. Isto encarecendo o serviço da tentativa de recuperação dos dados e/ou aumenta o tempo necessário para a recuperação das informações. Pior que isto, isto pode acarretar ao fato de nem mesmo uma empresa especializada em recuperar sistemas RAID conseguir recuperar as informações.

07 – É necessário enviar junto o servidor RAID para a recuperação dos dados do RAID ?

Na grande maioria das vezes não será necessário. Basta enviar os discos rídidos (HDs). Por se tratar de uma empresa especializada em recuperar dados de servidores RAID, a Datarecover possui experiência, tecnologia e estrutura para realizar o serviço de recuperação de dados em RAID sem o servidor. E isto se aplica à massiva maioria dos casos.

Todavia, salientamos que, quando possível é recomendável o envio do servidor, pois este pode acelerar e otimizar alguns processos, bem como o tempo necessário para a recuperação das informações. Existem, de qualquer forma, serviços específicos em que se faz necessário (e praticamente obrigatório) o envio do servidor para que se chegue com êxito à restauração dos dados constantes no sistema/volume RAID.

 08 – Como devo remover os HDs do servidor RAID ?

Recomendamos que você fotografe seus discos rígidos em seus posicionamentos originais.

Após retirar os HDs do servidor RAID, é recomendável que você anote cuidadosamente a relação dos mesmos com as baias ou gavetas de suas localizações originais. Estas geralmente são numeradas iniciando em 0, 1 ou A (e uma boa prática é identificar cada hard disk com a baia ou gaveta da qual este foi removido).

Na ausência desta numeração, é recomendável que você possa realizar uma anotação sequencial, ou até mesmo contatar um de nossos especialistas para extinguir dúvidas.

Convém ressaltar que, embora seja perfeitamente viável recuperar dados de RAID até mesmo em situações onde existiu perda de discos, o cumprimento deste procedimento pode diminuir significativamente o tempo necessário no procedimento de recuperação dos dados.

09 – Existe sigilo dos dados do meu servidor RAID ?

No momento em que você contrata os serviços de recuperação de dados em sistemas RAID da Datarecover, você automaticamente está plenamente resguardado quanto ao sigilo das informações através de uma clausula contratual.

A Datarecover conta com mais de 15 anos de mercado e nossos métodos e procedimentos seguem um severo código de ética de privacidade total em relação a todos os dados, arquivos e informações recuperadas.

Nenhuma das informações recuperadas de mídias de nossos clientes será cedida ou utilizada por nós. Caso necessário, o contratante pode requerer ou elaborar um temo de compromisso ou NDA (Non-disclosure agreement) atestando que o cliente terá sigilo total em relação às suas informações.

Para o caso de julgar necessário, você pode solicitar ao nosso departamento comercial alguns depoimentos de clientes e atestados de capacitação técnica, fornecidos por empresas renomadas, que tiveram seus dados recuperados com êxito pela Datarecover

Serão divulgados atestados somente de clientes que previamente autorizarem o compartilhamento desta informação.

 

10 – A Datarecover consegue recuperar dados em RAID de todos os tipos ?

Sim! A Datarecover disponibiliza a recuperação de dados RAID de todos os níveis: RAID-0, RAID-1, RAID-5, RAID-6, RAID-50, RAID,5EE, JBOD e outros.

Seguem os níveis de RAID mais comuns recebidos para recuperação:

RAID 0:

Emprega o chamado striping, onde os dados são repartidos em fragmentos e escritos ao longo de múltiplos discos, mais ou menos tratando-os como um único disco gigante. O RAID 0 é muito usado para melhorar a performance do computador, contribuindo para o aumento da velocidade na gravação e leitura de informações. Neste nível de RAID, os dados são gravados ao mesmo tempo. Ele é muito usado em aplicações no CSD e tratamento de imagens e vídeos.

VANTAGENS: Este nível de RAID é muito procurado para aplicações que precisam de altíssima velocidade, como a gravação ou captura de vídeo e som em tempo real.

DESVANTAGENS: A falha em qualquer um dos hard disks representará a perda de todos os dados do sistema RAID array.

RECUPERAÇÃO: A Datarecover possui tecnologia para recuperar dados em RAID 0.

 

Distribuição dos dados em sistema RAID 0

 

RAID 1:

Escreve – ou espelha – os dados em múltiplos discos, assim você tem vários HD’s que são exatamente o mesmo. Para tanto, se um dos discos apresentar algum tipo de problema a informação pode ficar resguardada em outro hd referente a ele. No entanto, se você não tem um controlador de disco independente ou um adaptador de host para o disco, o desempenho pode ficar lento ao tentar escrever para todos os discos simultaneamente e, obviamente, o desempenho não será tão bom quanto em uma configuração RAID com striping. Apesar de ser extremamente seguro, pois faz uma duplicação de todas as informações, a performance deste sistema não terá nenhuma diferença em relação à performance de um disco individual. Além disso, você precisa comprar dois discos de 500GB para ter apenas 500GB de armazenagem (o que aumenta seu custo).

VANTAGENS: A segurança deste nível de RAID é muito boa, principalmente quando implementado junto com duplexing.

DESVANTAGENS: A perda de performance em comparação com o RAID 0 e o custo mais elevado da sua implementação, pois cada HD presente no array tem que ser duplicado.

RECUPERAÇÃO: A Datarecover recupera dados perdidos em RAID 1.

 

Distribuição dos dados em sistema RAID 1

 

RAID 5:

O RAID 5 é a evolução dos sistemas RAID anteriores , o RAID 1, 2, 3 e 4. Quando um RAID 5 é criado, o sistema utiliza o espaço equivalente a um disco inteiro para armazenar a paridade, que é a informação redundante. Através de um complexo sistema de numeração existem mecanismos que conseguem juntar performance e segurança ao mesmo tempo. Através de complexas fórmulas matemáticas, foram criados algoritmos para comprimir os dados independente do seu conteúdo, gerando assim, a paridade. Nos sistemas anteriores (RAID 2, RAID 3 e RAID 4) a paridade era armazenada em um único disco. No RAID 5 a paridade é armazenada de forma alternada em todos os discos. Se qualquer dos discos contidos no sistema tiver qualquer tipo de problema, o mesmo poderá ser substituído e reconstruído através do processo chamado de rebuild. Para se usar o RAID 5 é necessário no mínimo três HDs. As informações de paridade são divididas em vários HDs, sendo assim, se um HD falhar, os dados continuarão armazenados em outros HDs. Sua desvantagem vem de que é um sistema relativamente complexo de gerenciamento de HDs, mas conta com uma leitura rápida.

VANTAGENS: O RAID 5 oferece um bom nível de segurança e aliado a uma boa performance de leitura e gravação de dados.

DESVANTAGENS: O espaço total para a criação de partições no RAID array é calculado pelo número total de discos menos um. Não é tão rápido quanto um RAID 0, devido a necessidade de gravar os dados de paridade.

RECUPERAÇÃO: A Datarecover oferece serviço de recuperação de dados em RAID 5.

 

Distribuição dos dados em sistema RAID 5

 

RAID 6:

Este RAID é muito parecido ao RAID 5, no entanto difere-se pelo dobro de bits de paridade encontrado nele. Esta diferença faz com que haja garantia da integridade dos dados mesmo com falha de dois dos HDs ao mesmo tempo. Similar ao RAID 5, mas com uma proteção de segurança a mais por um bloco de paridade extra. São dois blocos para cada bit de dados armazenado nos HDs. Se dois HDs falharem em um RAID 5, você não terá seus dados armazenados, o que pode ocorrer em RAID 6 e você ainda poderá ter seus arquivos salvos. Não são todos os HDs que aceitam o RAID 6.

VANTAGENS: O alto nível de segurança dos dados. O nível de tolerância de falhas permite que o RAID continue íntegro mesmo que 2 discos tenham parado de funcionar.

DESVANTAGENS: O espaço total no RAID array é calculado pelo número total de discos menos dois. Exige controladora compatível com RAID 6, o que aumenta o custo de implantação. Devido a complexidade do algorítmo de paridade a recuperação dos dados pode ser extremamente complexa.

RECUPERAÇÃO: Os engenheiros da Datarecover possuem grande experiência e ferramentas especializadas para a recuperação de dados em sistemas RAID 6.

 

Distribuição dos dados em sistema RAID 6

 

RAID 10:

Também conhecido como RAID 1+0, esse sistema divide os dados entre os discos primários e espelha os dados nos discos secundários. Sendo assim, ele mantém o desempenho do RAID 0 com a segurança do RAID 1. O RAID 10 possui características do RAID 0 e o 1. Este nível pode ser usado em sistemas com 4 discos ou mais, porém, é obrigatório que seja número par. No RAID 10, a metade dos discos armazena dados e a outra parte uma cópia. A sua confiabilidade é muito grande em decorrência do seu tipo de armazenamento.

VANTAGENS: Quase o mesmo nível de performance de um RAID 0, com bom nível de segurança em caso de desastres – fault tolerance. O RAID array só para de funcionar se dois hard disks de um mesmo grupo apresentarem defeito ao mesmo tempo.

DESVANTAGENS. Precisa do dobro do número total de discos do sistema RAID 1.

RECUPERAÇÃO: A Datarecover possui tecnologia para recuperar dados em RAID 10.

 

Distribuição dos dados em sistema RAID 10

 

JBOD:

JBOD significa Just a Bunch of Disks, ou “apenas um grupo de discos”, e não é particularmente um nível de RAID. Utiliza múltiplos hard disks e disponibiliza eles para o sistema operacional como uma única unidade física.

VANTAGENS: Permite a criação de volumes ou partições com tamanho superior ao de um único disco. O investimento na placa controladora é bastante reduzido

DESVANTAGENS.  A perda de qualquer um dos hard disks representará a perda de todos os dados do sistema JBOD

RECUPERAÇÃO: A Datarecover recupera dados perdidos em sistemas JBOD.

 

Distribuição dos dados em JBOD

11 – Existem outros tipos de RAID que a Datarecover consegue recuperar ?

Além dos níveis de RAID detalhados na pergunta acima, nossos engenheiros possuem experiência na recuperação de dados em diversos outros níveis de RAID:

   RAID 50, RAID 5EE, RAID-Z, RAID 1E, RAID 5E, RAID 4, e outros!

12 – Porque as empresas utilizam servidores RAID ?

O fator principal para a utilização de um volume RAID é a segurança dos dados. Sistemas RAID são largamente utilizados em servidores de banco de dados e sistemas de missão crítica que não podem sofrer qualquer tipo de interrupção.

Dependendo do nível de RAID utilizado é possível que um servidor continue funcionando normalmente mesmo após a falha de 2 discos. Além disso os servidores RAID geralmente utilizam discos especialmente projetados para estes ambientes, assim como HDs SAS, FC ou SCSI.

13 – O que é um HD SCSI ?

SCSI é sigla para Small Computer System Interface. SCSI é uma tecnologia desenvolvida a fim de acelerar a taxa de transferência de dados entre dispositivos de um computador, desde que tais periféricos sejam compatíveis com a tecnologia. O padrão de HD SCSI foi e ainda é muito utilizado em servidores RAID.

 14 – O que é um HD SAS ?

SAS é a sigla para Serial Attached SCSI, sendo a evolução dos antigos HDs SCSI para a tecnologia serial ATA. SAS é um barramento serial atualmente muito utilizado em servidores RAID por ser mais confiável, rápido e versátil que os antigos HDs SCSI.

 

15 – O que é um HD FC ?

FC é a abreviação de Fibre Channel, que é uma tecnologia de comunicação de alta velocidade utilizada para o armazenamento de dados em rede. Utiliza a difinição SCSI-3, e é um padrão mais novo do que o SCSI e o SAS, permitindo maiores velocidades e um maior número de discos em uma controladora.

16 – Quais as vantagens de um RAID utilizar HD do tipo SAS, FC ou SCSI ?

Muitas são as vantagens de um servidor utilizar um sistema RAI (além da segurança dos dados). Tanto a leitura quanto a escrita dos dados em discos pode se tornar muito mais rápida através de um servidor RAID que utilize HDs Fibre Channel, SAS ou SCSI.

Além disso, estes dispositivos possuem projetos eletrônicos e mecânicos mais elaborados e, por este motivo, são menos expostos aos problemas frequentes dos hard disks comuns.

17 – É possível a recuperação de dados em RAID com HDs FC, SAS ou SCSI ?

Sim. A Datarecover dispõe hoje da mais avançada tecnologia para recuperação de dados perdidos em todas as marcas e modelos de HD Fibre Channel, SAS e SCSI.

 

18 – Qual a relação entre um dispositivo NAS e a recuperação de dados em RAID ?

NAS (Network Attached Storage) é um dispositivo de armazenamento de dados dentro de uma rede. Internamente, os dispositivos NAS podem conter mais de um HD e geralmente utilizam a tecnologia RAID para prover redundância ao servidor de dados.

19 – O que é um LVM e qual sua relação com a recuperação de dados RAID ?

LVM é uma funcionalidade de volumes lógicos para sistemas Linux que gerencia HDs (discos rígidos) e dispositivos de armazenamento em massa. O termo “volume” refere-se a uma unidade de disco ou partição do mesmo.

A grande vantagem é permitir o redimensionamento das áreas de modo dinâmico, ou seja, com o sistema operacional sendo utilizado.

Volumes LVM trabalham analogicamente aos sistema RAID por permitirem que os dados sejam distribuidos am mais de um disco físico.

20 – É possível a recuperar dados em NAS ?

Sim, a Datarecover possui grande experiência na recuperação de dados em dispositivos NAS.

21 – É possível a recuperar dados em LVM ?

Sim, a Datarecover já trabalha com a recuperação de dados em LVM. Possuímos alto índice de sucesso na recuperação de dados em servidores que utilizam LVM para o armazenamento de dados.

22 – Vocês recuperam dados em RAID com o meu sistema de arquivos ?

Sim, a Datarecover oferece serviços de recuperação de dados em servidores RAID para todos os sistemas de arquivos: NTFS, REFS, HFS, EXT, UFS, XFS, NWFS, NSS, FAT, VMFS e outros!


Caso precise de maiores informações sobre a recuperação de dados em servidores RAID, HDs SAS, FC ou SCSI, por favor entre em contato com um consultor especializado através da nossa central de atendimento gratuito 0800 702 9022.

 

Em caso de EMERGÊNCIA ligue para o plantão 24 Horas: (11) 99447-9523

 

Ou clique no botão abaixo para iniciar o processo de recuperação em RAID.

SÃO PAULO – SP

Av. Ibirapuera, 2120
14º Andar – Sala 143
Bairro Moema
Cep: 04028-001
São Paulo – SP
Fone: (11) 3181-4935

RIO DE JANEIRO – RJ

Av. Rio Branco, 45
21º Andar – Sala 2103
Bairro Centro
Cep: 20090-003
Rio de Janeiro – RJ
Fone: (21) 3180-0688

CURITIBA – PR

Av. Sete de Setembro,
5402 – Sala 17
Bairro Batel
Cep: 80240-000
Curitiba – PR
Fone: (41) 4042-4994

PORTO ALEGRE – RS

Av. Carlos Gomes, 141
8º Andar – Sala 808
Bairro Bela Vista
Cep: 90480-003
Porto Alegre – RS
Fone: (51) 3181-0136

BRASIL

Emergências 24 Horas:
(11) 97364-5701
(21) 99826-8820
(41)99651-5802
(51) 99142-8686

Ligação DDG Brasil:
0800 702 9022